Kassio Nunes intima prefeito de Belo Horizonte

Kassio Nunes Marques, ministro do STF (Supremo Tribunal Federal), intimou Alexandre Kalil, prefeito de Belo Horizonte (PSD-MG), a cumprir a liminar que libera a celebração de cultos e missas presenciais em todo o Brasil.

A manifestação do ministro ocorreu após pedido do advogado-geral da União, André Mendonça, que entrou com uma ação reclamando que Kalil pretendia descumprir a medida de Nunes Marques.

Na intimação, Kassio ainda citou a postagem do prefeito nas redes sociais, na qual ele dizia que acompanharia o entendimento do Plenário sobre a validade dos decretos municipais e que manteria a proibição a cultos e missas presenciais na cidade em meio à pandemia do novo coronavíru