Lula Preso – Procurador nega pedido de visita de Dilma

Petição da ex-presidente, elaborada por Eugênio Aragão

“A relação de amizade entre a Requerente e o custodiado é fato público e notório: trabalham juntos desde o ano de 2002 e, ao longo dos anos que seguiram, desenvolveram relação de convivência próxima e de profunda amizade, cuja manutenção se faz preemente na situação atual de privação de liberdade em que se encontra o ex-presidente Lula (…) Mesmo não ocupando cargos púbicos, continuaram a se encontrar pessoalmente e a ter um relacionamento próximo e pessoal, conforme ampla e constantemente divulgado na grande imprensa nacional.”

O procurador Januário Paludo se manifestou contra o pedido de visita.

Lula imaginava que faria da prisão um escritório político e haveria romarias de ex- presidentes e famosos para sua visita.

“Imaginou romarias de políticos nacionais e internacionais, ex-presidentes e ex-primeiros-ministros, representantes de entidades de Direitos Humanos e representantes de movimentos sociais.” ( Revista Época)