Massacre programado : Guerra de facções PCC X FDN

REBELIÃO EM PRESÍDIOS ANUNCIADAS
Segundo o governo do Amazonas, todas as vítimas da matança seriam do PCC.
Em outras palavras: haverá novas rebeliões. O PCC vai se vingar do FDN.
PROXIMAS REBELIÕES: Rio Grande do Norte, Maranhão, Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro.

Facção Família do Norte (FDN) mata integrantes do PCC no Amazonas:

Durante a  operação La Muralla, deflagrada em novembro de 2015 pela Polícia Federal  os policias da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE) da Superintendência do Amazonas mapearam toda a estrutura da organização criminosa e cumpriram 127 mandados de prisão preventiva, 67 mandados de busca e apreensão, sete buscas em presídios estaduais, 68 medidas de sequestro de bens, além do bloqueio de ativos registrados em 173 CPFs e CNPJs ligados a FDN.

A polícia federal interceptou conversas de  integrantes da FDN e PCC. As gravações deixaram claro que:

 “  A FDN possui uma forte relação ou aliança com o Comando Vermelho-CV, facção criminosa do Estado do Rio de Janeiro, e uma espécie de rixa com os membros da facção Primeiro Comando da Capital– PCC”.
 03 das principais lideranças do PCC foram brutalmente assassinados nos últimos meses pela FDN dentro de presídios)”.

De acordo com a PF, o único obstáculo até então existente para evitar que a FDN colocasse em prática seu plano de matar os rivais do PCC era “o fato de todos os presidiários de Manaus que possuíam vínculos com os referidos grupos criminosos estavam custodiados em ala própria no Centro de Detenção Provisória – CDPM, pavilhões 01 e 02, apelidados de ‘seguro’, sob forte proteção policial.”

Na rebelião iniciada neste domingo 01/01,  FDN matou ao menos 80 pessoas entre este domingo, 1, e segunda-feira, 2.

O massacre ocorreu após os integrantes da facção tomarem o comando da Compaj, maior presídio do estado.

Ainda segundo o relatório da PF, embora a FDN fosse aliada do Comando Vermelho, não havia nenhuma relação de submissão entre as duas facções. Diz o relatório: “Todavia, está claro que não existe nenhuma relação de submissão da facção amazonense ao CV e/ou PCC, sendo este o grande diferencial da FDN em relação às demais organizações criminosas do Brasil.”

Veja as mensagens interceptadas:

Fonte: Jornal Estão e Polícia Federal