Jorge Roriz – Jornalismo de Excelência

Médica Bolsonarista processa o Senador Otto Alencar

A Médica não sabia a diferença entre vírus e protozoário e quer processar o senador Otto Alencar, apenas porque ele fez uma pergunta de ciências que ela não soube responder.

A médica bolsonarista Nise Yamaguchi decidiu processar o presidente da CPI da Covid, Omar Aziz (PSD-AM), e o senador Otto Alencar (PSD-BA), também membro da comissão, por danos morais. Ela pede ao menos R$ 320 mil em indenização.

Ela considera que os senadores a humilharam e foram misóginos – preconceito contra a mulher – durante seu depoimento à Comissão Parlamentar de Inquérito, no Senado, em 1º de junho. Ela pede indenização de R$ 160 mil por danos morais a cada um dos parlamentares.

Na ação, a médica afirma que Aziz e Alencar abusaram do direito da imunidade parlamentar a que têm e “perpetraram um verdadeiro massacre moral”. Os senadores, para a defesa de Yamaguchi, agiram “intencionalmente com morbo e com deliberada crueldade no escopo de destruir a imagem da médica perante toda a sociedade brasileira”. “(Nise Yamaguchi) Atônita, viu um ser humano ter destroçada a sua dignidade enquanto médica, cientista e mulher”, defendem os advogados.

Com informações da CNN Brasil.