Milhões de servidores estaduais podem ficar sem o 13º

Pelo terceiro ano consecutivo, ao menos 1,5 milhão de servidores estaduais correm o risco de não receber o 13.º salário até o fim do ano.

Os servidores estaduais dos estados do Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do  Sul e Minas Gerais, correm o risco de não receberem o 13º salário  por falta de dinheiro dos respectivos estados.

E o terceiro ano consecutivo que o fato se repete. São 1,5 milhão de servidores nesta situação. Se providências não forem tomadas na área econômica do presidente eleito, Jair Bolsonaro, esse problema vai se agravar para todos os estados e não só o 13º como o salário dos servidores podem não ser pagos ou atrasar.

As autoridades dos citados estados estão tomando todas as providências para conseguirem honrar seus compromissos e pagar o 13º.
Esse problema começou ainda no governo Dilma.

A informação é do jornal O Estado de São Paulo.