Militantes petistas agridem a imprensa

MILITANTES DE LULA AGREDINDO A IMPRENSA (01) – CORREIO BRASILIENSE
Uma repórter, uma fotógrafa e um motorista do Correio Braziliense foram agredidos no noite desta quinta-feira (5/4), em frente à sede da Central Única dos Trabalhadores do Distrito Federal (CUT-DF), no Setor de Diversões Sul, no Plano Piloto. Pelo menos 30 militantes partiram para cima do carro do jornal, no qual estavam os profissionais, e quebraram um dos vidros do veículo.
Enfurecidos, os agressores gritavam ofensas contra a imprensa, contra o jornal e em defesa do ex-presidente Lula, que teve a prisão decretada pelo juiz Sérgio Moro, com o aval do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) menos de 24 horas após o Supremo Tribunal Federal (STF) negar seu pedido de habeas corpus. Os agressores quebraram o vidro traseiro do carro do jornal com socos.
MILITANTES DE LULA AGREDINDO A IMPRENSA (02) – ESTADÃO
Simpatizantes do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva lançaram ovos contra o carro da reportagem do Estado em São Bernardo do Campo, no Grande ABC, na noite desta quinta-feira, 5. O fato aconteceu horas após o juiz federal Sergio Moro ter mandado o petista se entregar à Polícia Federal até às 17h da sexta-feira, 6.