Morre Eddie Van Halen

Morre Eddie Van Halen

Não acredito que tenho que escrever isso, mas meu pai perdeu sua longa batalha contra o câncer. Ele foi o melhor pai que se pode ter. Cada momento no palco e fora dele era um presente. Meu coração está partido e eu acho que nunca vou me recuperar dessa perda”. Assim foi divulgada a notícia da morte de um dos guitarristas mais virtuosos da história do rock, Eddie Van Halen (Amsterdam, 1955). O texto foi escrito por seu filho, Wolfgang Van Halen, também músico.

Eddie Van Halen foi o líder do grupo que leva seu sobrenome, Van Halen, durante quase 50 anos. O músico morreu aos 65 anos nesta terça-feira devido a complicações de um câncer na garganta que enfrentava havia uma década. Morreu em um hospital da Califórnia acompanhado da mulher, Janie, do filho, Wolfgang, e do irmão e baterista da banda, Alex.

O primeiro disco do grupo, Van Halen, de 1978, inclui uma canção, Eruption, uma curta peça instrumental de 1,42 minuto. Trata-se de um solo de guitarra. Aí está a inspiração para dezenas de guitarristas de hard rock que seguiriam seus passos: Joe Satriani, Steve Vai, Randy Rhoads ou Yngwie Malmsteen, entre muitos outros. O primeiro disco do grupo também trazia uma versão de You Really Got Me, dos Kinks.

Assim que a morte do músico foi anunciada, as revistas dedicadas à guitarra se apressaram em selecionar seus 20 melhores solos. Não é para menos. Todo guitarrista de hard rock os conhece de cor: canções como Panama, Ain’t Talkin’ ‘Bout Love, Somebody Get Me a Doctor ou Beat In, o hit de Michael Jackson, onde exibe toda a sua pirotecnia guitarrística. Eddie Van Halen, que não sabia ler música, fundou o Van Halen com seu irmão Alex em Pasadena, Califórnia. A família veio de Nijmegen, Holanda, para os Estados Unidos, nos anos sessenta. O pai transmitiu aos filhos sua paixão pela música e logo chamou um professor de piano. Depois eles escolheram o rock.

Informações do EL País;