Jorge Roriz – Jornalismo de Excelência

Mourão diz que Bolsonaro vai tomar pau independente do auxílio emergencial

Em uma linha semelhante à adotada no dia anterior pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido), o vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB) criticou nesta sexta-feira (12) a reação do mercado financeiro à previsão de recriação do auxílio emergencial.

“Minha gente, a gente não pode ser escravo do mercado”, disse Mourão ao chegar à Vice-Presidência.

“O presidente é obrigado a decidir para alguma forma de auxiliar essa gente. Vamos lembra, né, se ele disser que não vai auxiliar, ele vai tomar pau. Se ele diz que vai auxiliar, ele vai tomar pau também. Então, é uma situação difícil e julgo que ele vai buscar a melhor solução”, afirmou o vice-presidente.

A informação é da Folha de São Paulo.