Jorge Roriz – Jornalismo de Excelência

O desabafo do médicos cubanos

É triste deixar sua família, amigos e sua terra”, disse ela. “Mas aqui estamos em um país onde você é livre, onde ninguém lhe pergunta aonde você vai ou lhe diz o que deve fazer. Em Cuba, sua vida é ditada pelo governo.”

Quando você sai de Cuba pela primeira vez, descobre muitas coisas que não sabia”, disse Yaili Jiménez Gutierrez, uma das médicas que moveu a ação. “Chega uma hora em que você se cansa de ser escravo.”

“O fim do programa foi um enorme golpe para nós”, disse Mayreilis Álvarez Rodríguez, outra médica que moveu ação no Brasil. “Era a nossa saída.” Fonte: UOL

Mesmo sendo obrigados a enviar a maior parte do salário para o governo Cubano,,  os médicos cubanos ganham mais no Brasil do que em Cuba. O salário líquido deles é equivalente ao salário de um médico residente no Brasil.

O contrato é assinado previamente antes de vir. Eles não são enganados.. Aceitam as condições do Programa Mais Médicos.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.