O primeiro discurso de Bolsonaro após eleito

Leia a integra do primeiro discurso. Vou comentar daqui a pouco as duas falas.
*
“Boa noite, ao meu lado a senhora Angela, professora de libras e minha esposa, Michele, pessoa que, nos momentos de alegria e de tristeza sempre esteve ao meu lado.

Eu quero, nesse momento, agradecer a Deus pela oportunidade. E, mais ainda, quero agradecer a Deus que pelas mão de médicos, enfermeiros e demais profissionais de saúde da Santa Casa de Juiz de Fora e do Hospital Albert Einstein, em São Paulo, operaram um verdadeiro milagre, mantendo a minha vida. Um momento que eu jamais poderia esperar, mas que, graças a Deus, repito, foi superado.

Com toda certeza, Ele reservou algo para mim e para todos nós aqui do Brasil. Esse primeiro contato meu, via live, deve-se ao respeito, à consideração, à confiança que tenho no povo brasileiro. Eu também só cheguei aqui porque vocês, internautas, povo brasileiro, realmente vocês acreditaram em mim.

Desde o começo, há quatro anos, nesta mesa, quando decidi, sozinho, disputar a Presidência, sabia de todas as dificuldades que teria pela frente. Mas, com 59 anos de idade à época, não poderia mais pensar apenas em mim e disputar mais um mandato de deputado federal, com toda a certeza sendo o mais votado no Rio ou até mesmo me elegendo senador da República. Depois dos 60, essa vontade se fez cada vez mais presente.

Não por obsessão, não por querer ocupar a cadeira presidencial por um motivo pessoal. Ocupá-la sim para que, juntamente com uma boa equipe, boas pessoas ao meu lado, nós pudéssemos ter, sim, mais que a esperança, mas a certeza de mudar o destino do Brasil.

Fizemos uma campanha não diferente dos outros, mas como deveria ter sido feita. Afinal de contas, a nossa bandeira, o nosso slogan, eu fui buscar aquilo que muitos chamam de “caixa de ferramenta para consertar o homem e a mulher”, que é a Bíblia Sagrada. Fomos em João 8:32 “Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará”. Nós temos que nos acostumar a conviver com a verdade. Não existe outro caminho se quisermos a paz e a prosperidade.

A verdade tem que começar a valer dentro dos lares, até o ponto mais alto que é a Presidência da República. O povo tem mais que o dever, tem o direito de saber o que acontece em seu país. Graças a Deus essa verdade o povo entendeu perfeitamente.

Alguém, sem um grande partido, sem Fundo Partidário, com a grande parte da grande mídia o tempo todo criticando, colocando-me em uma situação muitas vezes próximo a uma situação vexatória sobre aquilo que falavam a meu respeito, e passou a acreditar na gente, e passou a ser, sim, integrante de um grande exército que sabia para onde o Brasil estava marchando e clamava por mudanças.

Não poderíamos mais continuar flertando com o socialismo, com o comunismo e com o populismo e com o extremismo da esquerda.

As urnas se abriram, e nós fomos declarados vencedores deste pleito, e o que eu mais quero é, seguindo ensinamentos de Deus, ao lado da Constituição Brasileira, inspirando-se em grandes líderes mundiais e com uma boa assessoria técnica e profissional ao seu lado – isenta de indicações políticas de praxe – começar a fazer um governo a partir do ano que vem que possa realmente colocar o Brasil em um lugar de destaque.

Temos tudo para ser uma grande nação. Se essa for a vontade de Deus seremos. Temos condições de governabilidade, dados os contatos que fizemos com os parlamentares.

Todos os compromissos assumidos serão cumpridos, com as mais variadas bancadas, com o povo em cada local do Brasil que eu estive presente. E fazendo um pequeno aparte: nada mais gratificante do que quando estive em Manacapuru, coração do Amazonas, conversando com pessoas simples, mas que tinham sede de conhecer a verdade e de conversar com alguém que realmente os tratava com o devido respeito e consideração.

Indo para o encerramento, meu muito obrigado a todo vocês pelo apoio, pela consideração, pelas orações e pela confiança. Vamos juntos, juntos mudar o destino do Brasil. Sabíamos para onde estávamos indo e agora sabemos para onde queremos ir. Meu querido povo brasileiro, muito obrigado pela confiança! E, no momento, peço a Deus que mais uma vez coragem para poder bem decidir o futuro. Estou muito feliz, e missão não se escolhe nem se discute, se cumpre. E nós, juntos, cumpriremos a missão de resgatar o nosso Brasil. Um forte abraço a todos e fiquem com Deus!”

https://youtu.be/G16QLShi-Wo