Jorge Roriz – Jornalismo de Excelência

OAB poderá ingressar com ação no STF contestando o fatiamento do impeachment

Em uma entrevista feira pelo Estadão, o Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Claudio Lamachia,  pediu parecer técnico à assessoria jurídica da entidade e diz que Constituição é clara ao impor como consequência da cassação a perda dos direitos políticos

O  fatiamento que permitiu à petista continuar na vida pública, mesmo cassada.

“Solicitei no âmbito interno da instituição um exame técnico sob o prisma constitucional. A partir dessa análise, desse parecer técnico, poderemos dar encaminhamento para uma decisão sobre como a Ordem vai agir.”

Claudio Lamachia, disse que ‘não descarta’ a principal entidade da Advocacia judicializar no Supremo Tribunal Federal o fatiamento do impeachment de Dilma.

“É uma decisão que compete ao Conselho, formado por 81 integrantes, três conselheiros de cada Estado”, observou.