OLP CRITICA VISITA DE BOLSONARO A JERUSALÉM ORIENTAL

Integrante do Comitê Executivo da Organização para a Libertação da Palestina (OLP) Hanan Ashrawi considerou “totalmente inaceitável” o presidente Jair Bolsonaro incorporar uma visita a Jerusalém Oriental como parte de sua estadia oficial em Israel; Bolsonaro visitará nesta segunda-feira a basílica do Santo Sepulcro, o templo mais sagrado para o cristianismo, e o Muro das Lamentações, local máximo de culto para os judeus; “Jerusalém Oriental é território palestino ocupado”, declarou Ashra

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.