Jorge Roriz – Jornalismo de Excelência

Operação “coração de papel” – Veja os nomes dos dez alvos da PF

Os dez investigados ( nomes abaixo) estavam organizando um ato para o dia 7 de setembro em favor do impeachment dos ministros do Supremo e pelo voto impresso nas próximas eleições.

Moraes determinou que eles não podem se aproximar, no raio de um quilômetro, da Praça dos Três Poderes, em Brasília, de integrantes do STF e de senadores.

O ministro do STF determinou ainda a imediata suspensão dos perfis dos investigados nas redes sociais (Facebook, Instagram, Twitter e YouTube) e decidiu bloquear a chave Pix que vinha recebendo dinheiro para bancar as manifestações do dia 7 de setembro.

Segundo a decisão, a medida tem o objetivo de “evitar a prática de infrações penais e preservação da integridade física e psicológica dos ministros, senadores, servidores ali lotados, bem como do público em geral que diariamente frequenta e transita nas imediações.”

A única exceção serve para o parlamentar, em razão da necessidade do exercício de suas funções.

 

OS ALVOS

A operação desta sexta envolveu dez alvos. São eles:

1) Otoni de Paula, deputado federal, PSC) já tinha ido alvo de inquérito das fake news,

2) Sérgio Reis, cantor sertanejo e ex-deputado federal,

3) Marcos Antônio Pereira Gomes, conhecido como Zé Trovão, se identifica como caminhoneiro e tem um canal no YouTube,

4) Eduardo Oliveira Araújo, cantor e ex-apresentador de televisão,

5) Wellington Macedo de Souza, jornalista e responsável pela divulgação de um dos vídeos em que Sérgio Reis fala sobre o ato do dia 7 de setembro com, segundo a PGR, “tom ameaçador”, trabalhou no ministério de Damares.

6) Antônio Galvan, presidente da Aprosoja Brasil, pode ter sido um dos patrocinadores do movimento,

7) Alexandre Urbano Raitz Petersen, é editor do portal Brasil Livre, que busca doações para o ato do dia 7 de setembro,.Editor do site Brasil Livre. ( não tem ligação com o MBL).

8) Turíbio Torres, se identifica como empresário e é descrito pela PGR como um dos suspeitos de pertencer ao grupo operacional dos manifestantes. Faz a logistica de acampamentos. Andava com Sara Winter

9) Juliano da Silva Martins, também é parte do grupo de operação do movimento, segundo a investigação

10) Bruno Henrique Semczeszm, escreve para o portal Brasil Livre. Sociedade Família Tradição e Sociedade

Os bolsonaristas prepararam uma grande manifestação criminosa no dia 07 de setembro. O Indício foi o vídeo de Sérgio Réis. Moraes descobriu e está desmantelando o esquema. BOSTONARO APOSTAVA TODAS FICHAS NO 07 DE SETEMBRO PARA TRAMAR CONTRA A DEMOCRACIA

Dizem que após a reeleição de Aras, ele vai deixar de ser poste de Bolsonaro……..Vai trair o BOZO.

AS AÇÕES CRIMINOSAS PROGRAMADAS PARA SETE DE SETEMBRO ANUCIADAS POR SÉRGIO RÉIS, TEVE O CONHECIMENTO E APOIO DE BOLSONARO ? TINHA ATÉ PIX PARA DOAÇÕES NO FINANCIAMENTO DOS ATOS CRIMINOSOS…….MORAES SABE DE TUDO…. E AI BOLSOMÍNIOS, VÃO ENCARAR A CADEIA?