Pedido de vista é procrastinar uma decisão que estava arquivada por Cármen Lúcia

É necessário que a decisão do STF seja feita o mais rápido possível para que se reestabeleça a normalidade jurídica. No momento tanto pode prender após segunda instância como não. A decisão será vinculante ( será para todos os processos)

Pedi publicamente para um ministro pedi Vista é uma aberração, uma tentativa interferir no STF (na verdade, de adiar) uma decisão que URGE QUE SEJA TOMADA.

A MINISTRA CÁRMEN LÚCIA ENGAVETOU AS ADCs quando ocupava o cargo de presidente do STF, APENAS para não soltar Lula, AFETANDO A VIDA DE MILHARES DE PESSOAS.

 

Para impedir nova derrota da Lava Jato no STF, o grupo Vem Pra Rua mobilizou seguidores nas redes sociais para convencer Barroso e os ministros Luiz Fux, Edson Fachin e Cármen Lúcia – os quatro são favoráveis à execução antecipada de pena – a pedirem vista (mais tempo para análise) e, dessa forma, interromper o julgamento. A execução antecipada de pena é considerada um dos pilares da operação.

“Qual ministro terá coragem de pedir vista e impedir o fim da prisão após condenação em segunda instância?”, diz convocação do movimento, que divulgou na internet relação dos telefones e e-mails de cada um dos gabinetes. Cem mil usuários já acessaram a lista, segundo o grupo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.