PF Vasculha Gabinete De Cristiane Brasil Na Câmara E Residências Da Deputada

A PF cumpre mandados de busca e apreensão no Rio e em Brasília envolvendo a deputada Cristiane Brasil (PTB-RJ); ela é suspeita de participação em esquema criminoso dentro do Ministério do Trabalho para a concessão de registros sindicais; na fase anterior dessa investigação foram cumpridos mandados contra os deputados Paulinho da Força (SD-SP), Jovair Arantes (PTB-GO) e Wilson Filho (PTB-PB)

Cristiane Brasil, filha de Roberto Jefferson e quase ministra do Trabalho de Michel Temer, é alvo da segunda fase da Registro Espúrio.

Diz o G1:

A partir do material apreendido na primeira fase da operação, a PF chegou até a deputada. Em análise de conversas de WhatsApp do funcionário do ministério do Trabalho, Renato Araujo Júnior, preso na primeira fase, a PF descobriu que foi a deputada quem o indicou para o cargo de chefia no ministério e controlava também a aprovação dos registros sindicais”.

Entre os locais vasculhados pela PF, estão o gabinete e o apartamento funcional da parlamentar.

Estamos vivendo um estado policialesco. O simples fato de alguém suspeito escrever no WhatsApp que quem lhe indicou para o cargo foi a deputada, não justifica as apreensões e estardalhaço como se a deputada fosse uma criminosa.