Jorge Roriz – Jornalismo de Excelência

Plenário do STF já tem data para julgar o passaporte de vacina

Após , o ministro Luís Roberto Barroso, estabelecer a obrigatoriedade imediata  do certificado da vacina para viajantes que chegarem ao Brasil, A ministra do Supremo Tribunal Federal (STF), Rosa Weber, marcou uma sessão virtual extraordinária do pleno do Supremo para julgamento da obrigatoriedade do passaporte da vacina.

Weber é vice-presidente do STF. Ela  tomou a decisão porque o presidente, Luiz Fux, está fora do Brasil

Segundo a decisão do ministro Barroso, estrangeiros sem comprovante vacinal não poderão entrar no Brasil.

A sessão virtual em que os 11 ministros vão julgar a decisão monocrática de Barroso,  vai começar no dia 15 de dezembro, quarta-feira, à meia-noite, e pode se estender até as 23h59 do dia 16 de dezembro.