Polícia Federal nas ruas – Operação contra pedofilia

Dando prosseguimento a operação Underground que começou em 2017, quando 23 pessoas foram presas.
Na manhã desta quinta-feira a Polícia Federal iniciou a segunda fase de uma investigação nacional contra a pedofilia e a pornografia infantil.

Foram cumpridos onze mandados de busca e apreensão e dez de prisão preventiva.

Nesta quinta-feira (26) oito pessoas foram presas em flagrante com material sexual de crianças e adolescentes.
A ação ocorre em sete estados: S Maranhão e Acre, São Paulo, Minas Gerais, Goiás, Rio de Janeiro e Pernambuco,

O crime de publicação de imagens de pornografia infantil prevê pena de 3 a 6 anos de reclusão. Já o estupro de vulneráveis prevê de 8 a 15 anos de prisão.

chegou-se a um grupo com ações de abrangência nacional, integrado por pessoas que se comunicavam em ambiente cibernético, onde ocorria o comércio das imagens ilícitas.