Relator diz que Dilma praticou atentado contra a Constituição

dilma rousseff by redes sociais

 

ansd

Antonio Anastasia (PSDB-MG),  relator do processo do impeachment no Senado, apresentou nesta terça-feira (2) seu relatório, com 441 páginas, favorável à saída definitiva da presidente afastada, Dilma Rousseff.

Segundo ele, existem  provas, por ação direta ou omissão, de que houve crime de responsabilidade nos motivos elegados  para o pedido de impeachment:  a abertura de créditos suplementares sem autorização do Congresso Nacional e as pedaladas fiscais, que são atrasos nos pagamentos de valores devidos a bancos e fundos públicos.

“A gravidade dos fatos constatados não deixa dúvidas quanto à existência não de meras formalidades contábeis, mas de um autêntico atentado à Constituição”, afirma Anastasia no documento.

decretos assinados por Dilma , promoveram alterações na programação orçamentária incompatível com a obtenção da meta de resultado primário vigente à época.

Dilma tinha “plena consciência” de que a meta de resultado não seria cumprida, “o que revela conduta irresponsável”.