Relatora pede para Daniel Silveira continuar preso

A relatora do caso do deputado Daniel Silveira (PSL-RJ), preso por ordem do Supremo Tribunal Federal (STF), a deputada Magda Mofatto (PL-GO) apresentou agora há pouco seu voto pela manutenção do cárcere do colega de plenário.

“Nem a democracia e nem as instituições são ideais e com frequência sobram motivos para críticas que podem ser duras, contundentes e irônicas. Nenhuma autoridade está imune a críticas. É preciso traçar linhas sobre crítica e ataque à democracia”, afirmou.

Para Magda, Daniel Silveira usa o mandato para atacar o tripé da Constituição.

Hoje, em sua defesa, Silveira pediu desculpas. “Não consegui compreender o momento na raiva em que eu me encontrava. Peço desculpa a todos os brasileiros que perceberam que me excedi na fala. Em um ou dois dias mudamos a cabeça. Aqui no plenário temos debates que excedem, que vão se perdendo. Eu assisti o vídeo três vezes e percebi, com calma e cautela, que minhas palavras foram duras”, disse.