Salvador - Registra ocupação total dos leitos para pacientes infantis de Covid - 19

Salvador - Registra ocupação total dos leitos para pacientes infantis de Covid - 19

Capital registrou ocupação total dos leitos de enfermaria pediátricos neste fim de semana

A ocupação total dos leitos de enfermaria pediátricos em Salvador foi um dos assuntos tratados pelo secretário municipal da Saúde, Leo Prates, nesta segunda-feira (19). Em entrevista ao Jornal da Manhã, da TV Bahia, Prates alertou que uma possível nova onda de coronavírus “pode ser avassaladora”.

O secretário comentou que o sistema de saúde foi robustecido durante a pandemia graças a parceria entre prefeitura e estado, mas pode se tornar frágil levando em consideração o alto número de pacientes que não fizeram o acompanhamento de outras doenças nesse período. “Tivemos muita gente que não se cuidou [durante a pandemia], temos crescimento de pacientes vasculares graves, principalmente nas UPAs, e coronarianos também. Crescimento do número de infartos é uma coisa impressionante”, disse.

“Nós vamos ter um sistema sofrendo pressão enorme porque não tem coronavírus, por outras doenças com gravidade, e se uma segunda onda vier vamos ter uma pressão sobre sistema de saúde de quem tem coronavírus. A situação do sistema público de saúde para uma segunda onda é mais frágil do que tivemos na primeira onda. Por que temos um número de pacientes bem maior, quem não se cuidou durante o coronavírus”, explicou o secretário.

Leo Prates aproveitou paranoriemtar a população quanto aos cuidados que ainda devem ser tomados para controlar a disseminação da Covid-19. “Sigam protocolos, evitem aglomeração, faço apelo aos candidatos que sigam os protocolos. Precisamos da participação de todos, principalmente os que têm como responsabilidade liderar a sociedade”, concluiu.

Com relação a situação pediátrica, Prates afirmou que está acompanhando de perto. O secretário ressaltou que as crianças instaladas nas enfermarias têm situação menos grave daquelas nas UTIs: “A gente está com leitos de enfermaria em 100%, nós acompanhamos isso durante todo fim de semana. Lembrando que a criança que está internada em leito de enfermaria é uma criança com menor gravidade, o que é uma boa notícia. Os leitos de UTI estão sob controle, em 59%, abaixo de 60%”.

“Hoje devo assinar aditivo do contrato do Martagão Gesteira colocando à disposição da sociedade soteropolitana mais 10 leitos”, completou.

Foto: Max Haack/Secom/PMS/Arquivo)