Jorge Roriz – Jornalismo de Excelência

Senadores entram no STF para obrigar Pacheco a prorrogar a CPI

Os senadores Alessandro Vieira (Cidadania-SE) e Jorge Kajuru (Cidadania-GO) entraram nesta segunda- feira (05/07)  com uma ação no STF (Supremo Tribunal Federal) para tentar obrigar o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), a prorrogar os trabalhos da CPI da Covid, que investiga a atuação do governo federal no combate à pandemia.

Randolfe Rodrigues (Rede-AP), divulgou uma lista com mais de 27 senadores — número mínimo exigido — que concordam com a prorrogação por mais 90 dias, mas a prorrogação não foi feita.  Pacheco disse que só faria a leitura da prorrogação no  final dos trabalhos. Pode ser uma forma de não prorrogar, porque nada impede da leitura ser feita antes e se a leitura não for feita em até 90 dias, ela não será prorrogada.

Instalada em abril, a CPI tem funcionamento previsto por 90 dias, até 26 de julho deste ano.