Temer reforça compromisso com a Educação

o presidente Michel Temer anunciou nesta terça-feira, 20, a liberação de R$ 850 milhões para ações na área do ensino médio prevista no âmbito do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec).

Os recursos serão divididos entre o novo programa Médiotec e o programa de Fomento à Escola em Tempo Integral. O primeiro receberá R$ 700 milhões e o segundo, R$ 150 milhões.

“A educação tem sido prioridade no nosso governo. Trabalhamos para melhorar a educação com O mesmo sentido de urgência que adotamos com medidas para recuperar a economia. Elas caminham juntos. Em quatro meses de governo já propusemos a Reforma de Ensino Médio, medida que era discutida havia anos. E instituímos também a política de fomento de escola de ensino integral”, afirmou Temer no ato realizado no Palácio do Planalto. “Os recursos hoje liberados têm por objetivo tirar do papel o ensino técnico e as escolas de tempo integral.”

 

Desse total de recursos, R$ 700 milhões serão destinados para a oferta de cursos técnicos simultâneos ao ensino médio para alunos da rede pública. Outros R$ 150 milhões vão para o Programa de Fomento à Escola em Tempo Integral.

Temer ressaltou que os gastos com educação vão subir nos próximos dois anos, mesmo com a alteração na Constituição que limita os gastos públicos.

“Nesses dois anos, naturalmente, as verbas de educação e saúde não vão cair, as verbas de educação e saúde vão aumentar. O objetivo é trabalhar para criar oportunidades opara todos, especialmente no momento que o país atravessa momentos difíceis.”

O presidente ainda destacou a necessidade de conciliar a responsabilidade econômica com a social para superar a crise que o País enfrenta e a importância do ensino técnico para diminuir os índices de desemprego.

“Os recursos hoje liberados têm o objetivo de tirar do papel as escolas de ensino técnico e de tempo integral. Muitas vezes as pessoas não conseguem chegar à universidade, o que não significa que não podem servir imensamente ao País. O ensino técnico é fundamental para sua capacitação.”

O Programa de Fomento à implementação da Escola em Tempo Integral já recebeu adesão de 26 estados e do Distrito Federal. O MédioTec, por sua vez, é uma ação do Pronatec que vai ofertar 82 mil vagas inicialmente. O objetivo é garantir que o estudante do ensino médio esteja inserido no mercado trabalho após concluir essa etapa de ensino.

Fonte: Portal Planalto