Terrorismo ataca no Egito: dezenas de mortos e mais de 100 feridos

CAIRO – O terror tomou conta do Egito na manhã deste domingo, 9, após explosões em duas igrejas católicas coptas, que deixaram 43 mortos e mais de 100 feridos. O primeiro ataque aconteceu dentro da igreja “Mar Guergues” (São Jorge, em árabe), na cidade egípcia de Tanta, situada a 120 quilômetros ao norte do Cairo. De acordo com informações da televisão estatal do país, 25 pessoas morreram e mais de 100 ficaram feridas. O segundo atentado ocorreu na catedral de São Marcos, em Alexandria. Segundo o ministério da Saúde egípcio, ao menos 11 pessoas morreram e outras 35 ficaram feridas. Entre as vítimas se encontra um oficial que tentou deter o ataque suicida.

O papa Tawadros estava no edifício no momento da explosão, mas não ficou ferido, de acordo com o Ministério do Interior. Os atentados ocorreram em um dia considerado importante para a minoria cristã no país – cerca de 10% da população -, quando é celebrado o Domingo de Ramos, que marca o início da Semana Santa.

Dois soldados do EI coordenaram os ataques suicidas, de acordo com informações de um site de propaganda jihadista. A explosão em Alexandria foi realizada por um homem identificado como Abu Al-Baraa Al-Masri, e a de Tanta, por Abu Ishaaq Al-Masri.

Deixar uma resposta

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial