Venezuela: Governo invade casa de líderes opositores e os leva para local desconhecido

Leopoldo López e Antonio Ledezma, líderes opositores da #Venezuela, voltam a ser presos pela ditadura

BUENOS AIRES – O Serviço Bolivariano de Inteligência (Sebin) foi aos domicílios dos líderes opositores venezuelanos Leopoldo López e Antonio Ledezma, que estavam sob regime de prisão domiciliar, e os trasladou para um lugar ainda desconhecido. Segundo denunciou Lilian Tintori, mulher de López, nas redes sociais, “não sabemos onde está nem pra onde o levaram. Maduro será responsável se alguma coisa acontecer com ele”. A detenção de Ledezma foi informada por outros dirigentes da Mesa de Unidade Democrática (MUD), também através das redes.

Ambos dirigentes estavam presos em suas casas. López obteve o benefício da prisão domiciliar recentemente e participou ativamente da campanha em repúdio à Assembleia Constituinte promovida pelo governo do presidente Nicolás Maduro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.