Jorge Roriz – Jornalismo de Excelência

Vídeo: Estudantes da Venezuela protestam contra a Ditadura de Maduro


Na última terça-feira (25/10) estudantes de várias universidades da Venezuela fizeram protestos rejeitando o governo Maduro e apoiando a quebrar da ordem constitucional, declarando rebelião cívica.

Entre as universidades que tomaram o desafio de ficar na rua, apesar das repressões da Guarda Nacional Bolivariana (GNB), a Polícia Nacional Bolivariana (PNB) e outras forças de segurança, apenas em Caracas, são: a Universidade Central da Venezuela ( UCV), a Universidade Monteávila (AMU) e Universidad Metropolitana.

Hasler Iglesias, presidente da Federação de Centros Universitários da UCV (FCU-UCV), informou que os estudantes em nove estados da Venezuela se juntou manifestações para rejeitar as violações que foram feitas contra a Constituição da República.

Da mesma forma, ele rejeitou a repressão “violenta” do PNB e descreveu essas ações como um “ato de covardia”.

“Os alunos têm um papel fundamental no resgate da democracia, o futuro de tudo é jogo, chamamos o povo venezuelano para se juntar a nós, para não deixar o governo semeá-las desespero, vem pacificamente às ruas “, disse ele, enquanto Iglesias instou os alunos a permanecer na rua.

Informações EL NUEVO PAÍS ZETA