Jorge Roriz – Jornalismo de Excelência

Voto impresso – Derrota de Bolsonaro

A comissão especial da Câmara dos Deputados que analisa a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do voto impresso rejeitou nesta quinta-feira (5), por 23 votos a 11, o parecer favorável ao tema elaborado pelo deputado Filipe Barros (PSL-PR).

A  versão do texto do voto impresso defendia a  apuração das urnas (manualmente) dentro das sessões eleitorais (são mais de 500 mil) NA PRESENÇA DOS ELEITORES.

O presidente da Câmara não encerrou o assunto e disse que vai colocar em votação no plenário. Para aprovação será necessário 308 votos para aprovação.